sexta-feira, 14 de abril de 2017

Vou ali... e já volto

A vida acontece-nos e, outra vezes, somos nós que acontecemos na vida. De alguém, de nós, no tempo que só se faz notar quando se esgota.
Decidi aceitar um desafio e explorar mais um bocadinho do mundo, enquanto posso ser eu a acontecer na vida, enquanto tenho tempo para acontecer na vida.
Lembrei-me hoje que faltam 3 meses para terem passado 5 anos desde que o teu tempo se esgotou. 5 anos desde que a vida de aconteceu de uma forma cinzenta e triste... E depressa demais. Tu, cheia de planos e sonhos para fazer acontecer na vida. 
Vou em trabalho e sem grandes planos para o resto. Vou, e espero preencher os espaços com boas memórias para contar no regresso. Sim, porque vou, mas sei que volto. 
Levo a tua frase comigo, aquela que aqui deixei há quase 5 anos atrás. 

"Ser forte é dar esperança aos outros quando já não há esperança para nós. E, se isto é ser forte, eu seu que sou forte. Só queria não ter escrito isto."

Vou ali, explorar um bocadinho da Alemanha... e já volto.
M

Sem comentários:

Enviar um comentário